quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Empresa sueca vai oferecer bolsas para estudantes brasileiros

O programa do governo federal Ciência sem Fronteiras vai distribuir 100 bolsas para doutorado, pós-doutorado e pesquisador sênior, oferecidas pela empresa sueca Saab, por meio do Centro de Pesquisa e Inovação Sueco-Brasileiro (Cisb). Os estudantes poderão, com isso, fazer intercâmbio nos três melhores centros de tecnologia da Suécia.

Veja as melhores universidades do mundo para onde o governo mandará alunos

Lançado em julho, o programa pretende oferecer 100 mil bolsas de estudos para brasileiros no extetior, sendo que 75 mil serão liberadas com recursos federais e outras 25 mil em parceria com a iniciativa privada.

Segundo o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, que recebeu os dirigentes da Saab em reunião nesta terça-feira, a distribuição das bolsas poderá ocorrer parcialmente já que, por meio de edital que ainda será publicado, foram distribuídas 200 bolsas para doutorado e pós-doutorado no âmbito do Programa de Iniciação Científica.

A Saab tem um centro de pesquisas no Brasil, localizado em São Bernardo do Campo (SP). "É uma base industrial de maior dimensão do que a da própria Suécia. O centro não tem fins lucrativos e desenvolve projetos em parceria com várias universidades e empresas do Brasil e do mundo", explicou o ministro.

Caças
A Saab é uma das empresas que ofereceu ao Brasil opções de modelos de aviões de caça para equipar a Força Aérea Brasileira (FAB), dando a possibilidade de, em parceria com a Embraer, transferir a tecnologia de fabricação dos aviões. Mercadante negou, no entanto, que o assunto tenha sido tratado nessa audiência. O ministro acrescentou que a presidente Dilma Rousseff ainda não se decidiu sobre os investimentos que vão ser feitos na área da defesa. A Embraer já tem projetos de parceria tecnológica com a Saab.

Fontre: www.terra.com.br

Melhores informações acessem http://www.saabgroup.com/pt/About-Saab/Meet_Saab/2011/Saab-at-LAAD-2011/Centro-de-Pesquisa-e-Inovacao/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua para o desenvolvimento da aviação civil brasileira.Deixe aqui seu comentário.