domingo, 30 de dezembro de 2012

Agradeço a 2012 e desejo um 2013 melhor para todos !

Em 2012 tivemos grandes realizações e conseguimos manter o blog por mais um ano. Apesar de alguns contratempos e de uma menor frequência nas atualizações da página conseguimos passar algumas informações e conseguimos mais alguns seguidores. Em 2013 estaremos juntos novamete e com certeza conseguiremos estar mais atuantes e desenvolvendo novos projetos. Obrigado a todos os seguidores deste blog e um feliz 2013 com muita paz, saúde e alegria. Neste próximo ano a aviação civil brasileira passará por grandes transformações e teremos muitas surpresas boas.

 Feliz ano novo !


domingo, 25 de novembro de 2012

Embraer prevê gerar mais de 20 mil vagas.

A Embraer prevê a criação de 20.400 empregos diretos e indiretos durante as fases de desenvolvimento e produção do cargueiro militar KC-390, que está sendo projetado na unidade de São José dos Campos.
A expectativa da companhia é construir os protótipos e fazer o voo inaugural até o final de 2014. A primeira entrega foi prevista para 2016.
Na avaliação do presidente da Embraer Defesa e Segurança, Luiz Carlos Aguiar, o projeto entrará na fase de pico do desenvolvimento no primeiro semestre de 2013, com a geração de 1.300 empregos diretos e 6.500 indiretos.
Atualmente, 1.000 engenheiros trabalham no projeto do cargueiro, cuja revisão preliminar foi concluída em agosto deste ano por técnicos da Embraer e militares da FAB (Força Aérea Brasileira).
Um modelo em escala 1:6 do avião passou por testes em túneis de vento em empresas da Inglaterra, França, Estados Unidos e Holanda.
Com 35,20 metros de comprimento e 35 metros de envergadura, o KC-390 será a maior aeronave construída pela indústria brasileira.
Produção/ A Embraer informou que o cargueiro será produzido na unidade da empresa em Gavião Peixoto.
Nesta fase, que começa logo após os voos de testes, previstos para 2014, serão gerados 2.100 empregos diretos e 10.500 indiretos em toda a cadeia aeroespacial, que está concentrada em São José e no Vale do Paraíba.
Ainda segundo a avaliação da fabricante, os empregos gerados pelo cargueiro representaram uma movimentação de renda de cerca de R$ 6,8 bilhões durante 20 anos, prazo projetado pelo plano de negócios da aeronave.
Nesse período, o país deverá arrecadar R$ 6 bilhões em impostos em torno do KC-390.
Otimismo/ Gerente executivo do Cecompi (Centro para Competitividade e Inovação do Cone Leste Paulista), Agliberto Chagas disse que as perspectivas para a cadeia de produção na região são “as melhores possíveis”, quase um “céu de brigadeiro”.
O projeto e a produção do cargueiro militar, que já recebeu 60 intenções de compra de vários países, irá beneficiar todo o Cluster Aeroespacial Brasileiro, formado por 120 empresas, sendo 100 delas associadas ao Cecompi.
“Temos bastante mão de obra especializada na região, de nível técnico e superior, com 11 mil engenheiros formados todos os anos, e eles terão campo de trabalho no projeto do KC-390”, disse Chagas.

Fonte: http://diariosp.com.br/noticia/detalhe/38497/Embraer+preve+gerar+mais+de+20+mil+vagas

Mais uma empresa aérea brasileira que some do mapa !

Em 8 de Julho 2011 a companhia aérea Gol anunciou a intenção de compra da webjet em uma negociação no valor de R$ 96 milhões. Esta compra reforça a sua posição de ser a 2° Maior compania aérea do brasil, se aproximando da TAM e também pelo interesse no uso dos slots de aeroportos centrais utilizados pela Webjet.
Essa união deverá fazer com que a Gol tenha 45,65% de participação no mercado. A TAM, atual líder do mercado, tem 38,89%.
Meses após o anúncio da compra pela GOL, a companhia administradora repassou 3 de suas aeronaves para a Webjet. Eram os  Boeings 737-800SFP, um dos jatos comerciais mais utilizados na aviação mundial. Os três Boeing 737-800 entraram em operação em Dezembro/2011, Janeiro/2012 e Fevereiro/2012 são eles o PR-GTI,PR-GTU e PR-GTJ,todos com a mesma configuração de assentos (184) e ainda possuem prefixos da antiga operadora.
Em Fevereiro de 2012 a Webjet inicia suas operações no Terminal 4 de Guarulhos. É a primeira companhia a operar no novo terminal.
No dia 10 de Outubro de 2012, o CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) aprova a compra da Webjet pela VRG Linhas Aéreas S/A (GOL). No dia 17 de Outubro de 2012 o site da Webjet sai do ar, e as vendas de voos WH são direcionadas para os canais da GOL. A partir desta data, inicia-se o processo de unificação das operações entre as duas companhias.
No dia 21 de Novembro de 2012, o CADE autorizou a extinção da operadora e sua marca, tendo inclusive as flags da Webjet sendo removidas do site de compra de passagens da GOL.
Em 23 de novembro de 2012 a Gol anuncia fim da Webjet e desligamento de 850 funcionários.

(Fonte Wikipédia)

 

Bem prezados leitores, iniciei esta postagem com as informações acima somente com o objetivo de traçar um breve histórico da Webjet para entendermos melhor o que está acontecendo mais uma vez no mercado brasileiro de aviação. Desde a última sexta-feira que 850 funcionários da Webjet foram demitidos e fazem parte das estatísticas sobre o desemprego no Brasil. Um país que está prestes a realizar dois grandes eventos, um em 2014 (Copa do Mundo de Futebol) e outro em 2016 (Olimpíadas) e, que deveria ter no transporte aéreo o suporte para a mobilidade das pessoas durante esses eventos , não pode permitir que situações como estas aconteçam de forma tão esdrúxula. Como entender que o CADE aceita a compra da WEB pela GOL e não analisa possíveis impactos na econômia brasileira ? Se fez alguma análise será que já sabiam que poderia haver essa demissão em massa ? Ainda nem conseguiram resolver o caso da quebra da VARIG (2006) e já temos outra empresa aérea extinta no cenário nacional ! Quando é que o CONAC poderá criar uma política de desenvolvimento sustentável da nossa aviação comercial ? Chega de amadorismo neste setor ! Precisamos urgente de uma política e de estratégias econômicas para o setor aéreo. Não podemos mais aceitar que interesses particulares afetem a vida de pessoas que precisam de trabalho para sustentar seus familiares. O Brasil ainda é muito pequeno em relação ao mercado mundial de aviação e ao potêncial que possui. Se compararmos o nosso mercado com os países de dimensões continentais semelhantes às nossas ( Estados Unidos, Canadá, Russia, México...) ainda estamos muito atrás em relação a estrutura da aviação comercial. Precisamos pensar grande! Desde a quebra da TransBrasil, Vasp e Varig que nosso mercado não aumentou o número de oferta de assentos , pois naquela época estas companhias tinham aeronaves com média de 200 assentos e o que temos hoje é um maior número de aeronaves, mas com média de 100 assentos que no somatório total equivalem ao mesmo número  de assentos que aquelas companhias ofereciam à época, ou seja, não houve nenhum crescimento verdadeiro nesse aspecto.Como podemos crescer assim? Espero que os ex-funcionários da Webjet não tenham o mesmo fim dos ex-funcionários da VARIG que até hoje, passados 6 anos, não receberam as suas indenizações. Que pelo menos o Ministério do Trabalho faça justiça desta vez.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

A importância do treinamento dos profissionais de manutenção de aeronaves.

A atividade de manutenção de aeroanves é de  natureza complexa e por esta razão exige que os profissionais envolvidos com ela estejam em treinamento constante. As companhias aéreas e as empresas de manutenção devem seguir um programa rigoroso de treinamento de qualificação e de cursos  recorrentes ( contínuos) que são estabelecidos pelas autoridades aeronáuticas visando manter o profissional de manutenção atualizado com as novas tecnologias , suas atualizações e as regulamentações aplicáveis .Para se manter um elevado nível de segurança de voo é necessário cumprir todos os requisitos estabelecidos pela autoridade aeronáutica e o treinamento é um desses requisitos. O custo envolvido nestes treinamentos são bastante pesados e, muitas vezes, algumas empresas deixam esse item em segundo plano . Para evitar isso, as autoridades condicionam certas certificações operacionais das empresas a realização dos treinamentos estabelecidos obrigando assim o cumprimento das grades curriculares . Não deveria ser assim e as empresas deveriam sempre pensar em manter seus profissionais devidamente qualificados sem a interferência das autoridades, mas ainda bem que a maioria das empresas brasileiras cumprem esses regulamentos. Em se tratando de empresas de manutenção homologadas através do regulamento RBHA145, uma das empresas que mais se destaca   em investimento na qualificação de seus funcionários é a  TAP M&E Brasil. Esta empresa possui dois centros de treinamento , um no Rio de Janeiro e outro em Porto Alegre que possuem capacidade de treinar juntos cerca de 100.000 homem hora por ano. Este investimento reflete a responsabilidade da empresa e o comprometimento com a segurança de voo e isto garante aos clientes da mesma serviços de qualidade. 
O treinamento deve ter  qualidade e objetividade e para que isto ocorra é necessário que se tenha Instrutores devidamente qualificados e com vasta experiência em suas áreas de atuação. Além de treinamento teórico os profissionais devem receber também o treinamento prático, pois este faz com que os alunos adquiram as habilidades necessárias para executaram as tarefas críticas de manutenção com segurança e rapidez,  evitando o retrabalho e consequentemente aumentando a produtividade e o retorno financeiro para a empresa.

domingo, 4 de novembro de 2012

Cade aprova parceria entre Embraer e Telebrás para construção de satélite

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira (31) a parceria entre Embraer e Telebrás na criação de empresa Visiona Tecnologia Espacial, que será responsável pela compra e desenvolvimento do satélite geoestacionário brasileiro.
Pelo acordo, a Embraer tem 51% da empresa, enquanto a Telebrás, que representa o governo na parceria, tem 49%. A Telebrás será a operadora do satélite.
O custo do novo satélite é estimado em cerca de R$ 700 milhões. O governo federal vai financiar a sua compra, por meio da Telebrás. A previsão é que ele entre em órbita em 2014.
O satélite geoestacionário gira na mesma velocidade da Terra e, por isso, fica "estacionado" sobre um mesmo ponto do planeta. Ele é utilizado em telecomunicação, meteorologia e, no caso do satélite público, um dos principais usos será nas comunicações militares.
O governo pretende ainda utilizar o equipamento para auxiliar na massificação da internet banda larga no país – o satélite é indicado para levar internet em áreas isoladas, localizadas principalmente na região Norte.
A intenção do governo era que o satélite geoestacionário fosse desenvolvido pela Visiona. Porém, como a indústria nacional não domina toda a tecnologia de construção desse satélite, a empresa terá que contratar uma terceira para fabricá-lo. O contrato, no entanto, vai prever a transferência de tecnologia ao país.

Fonte: http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/2012/10

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Construção do avião militar de carga KC-390 poderá envolver a Critical Software

Lisboa - A companhia aeronáutica brasileira Embraer decidirá até abril do próximo ano qual será o envolvimento concreto das empresas portuguesas na construção do seu novo avião de carga, o KC-390.
"Há uma empresa do consórcio que se posiciona como líder e tem a responsabilidade em determinado produto. A Embraer reagiu muito bem e estamos agora na fase de respostas. Entre Dezembro e Abril haverá conclusões", declarou o presidente da portuguesa EEA, Jacinto Bettencourt, ao "Diário Económico".
A participação do consórcio português Compass no projecto da Embraer é ambiciosa. Se for confirmada. "Quase 45% do avião é construído em Portugal. A EEA desenha a fuselagem central, a barriga do avião e o leme, componentes que depois são construídos pela OGMA. Além disso, há vários sistemas que são necessários e que estão no processo de adjudicação", explicou o líder da EEA.
O agrupamento de empresas portuguesas inclui, além da EEA, a Critical Software, a Novabase, a Edisoft, a Empordef TI, a Tekever e ainda a GMV.
No final do ano passado, a portuguesa OGMA, indústria de reparação e manutenção cujo capital já é maioritariamente detido pela Embraer, assinou um acordo com a Embraer para a construção de alguns componentes do cargueiro militar, prevendo um investimento de 3,8 milhões de euros nas suas oficinas de Alverca.
Fonte:  http://www.portugaldigital.com.br/economia

sábado, 6 de outubro de 2012

Embraer investe 177 milhões de euros em novas fábricas em Portugal

A Embraer inaugurou nesta sexta-feira duas novas fábricas na cidade portuguesa de Évora (a 154 quilômetros a leste de Lisboa), nas quais investiu um total de 177 milhões de euros.
O presidente português, Aníbal Cavaco Silva, e membros do Governo participaram de um ato que marca o começo do funcionamento das duas unidades: a Embraer Metálicas e a Embraer Compósitos, previstas para funcionar a pleno rendimento no segundo semestre de 2013.
Sua incumbência será elaborar componentes de fuselagem tanto para as asas como para as caudas das aeronaves da Embraer, que além disso tem outros acordos com empresas de Portugal para fabricar no país peças de seu avião de transporte militar KC-390.
"A inauguração hoje das primeiras fábricas de Embraer na Europa é um passo decisivo em nossa estratégia industrial", declarou o presidente de Embraer S.A., Frederico Fleury Curado.
A Embraer tinha anunciado a escolha de Évora como sede de sua fábrica na Europa em meados de 2008 e a construção dos cerca de 70 mil metros quadrados de suas instalações começou em 2010.
Em seu discurso durante a inauguração, Cavaco Silva expressou seu desejo de que o investimento da empresa brasileira sirva para aumentar "a produtividade e competitividade" do país, e defendeu a ideia de que ele contribua para a "recuperação econômica" de Portugal, que vive a pior crise econômica das últimas décadas.
Por enquanto, as unidades empregam cerca de cem pessoas, embora quando estiver em pleno rendimento contará com cerca de 600 postos de trabalho diretos e 1.400 indiretos.
Portugal e Brasil fomentaram nos últimos anos a colaboração no setor aeronáutico.
À parte das unidades de Évora, os Governos de ambos os países assinaram no final de 2011 um acordo entre a própria Embraer e duas empresas portuguesas para fabricar as peças do KC-390. EFE

Fonte: www.terra.com.br
 

Bêbados em voo são perigosos.

 
Um avião da companhia aérea alemã Lufthansa fez um pouso não-programado no Aeroporto Internacional dos Guararapes na noite desta sexta-feira. Quatro russos embriagados causaram uma confusão a bordo e um deles chegou a agredir comissários e outros passageiros durante o voo LH505, que seguia de Guarulhos São Paulo a Munique, na Alemanha.

O passageiro que agrediu a tripulação já havia bebido antes de entrar na aeronave, consumiu mais álcool no avião. Todos foram detidos pela Polícia Federal (PF) assim que chegaram ao Recife. A assessoria de imprensa da Lufthansa ainda não comentou o caso. O voo seguiu destino para a Alemanha, segundo a Infraero.

Fonte: www.diariodepernambuco.com.br

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

RBAC147

Hoje foi apresentado em Brasília a todos os responsáveis por escolas ,centros de treinamento e aeroclubes do Brasil.,na sede da ANAC, os novos RBAC 140 , 141 e 147.   Estive presente a esse evento que será no futuro visto como o marco de uma nova filosofia para a educação de aviação civil. Estes regulamentos serão colocados em audiência pública no site da ANAC e toda a comunidade aeronáutica poderá opinar e sugerir alterações durante 30 dias. Após este período a ANAC irá avaliar todas as sugestões e críticas, fazer as alterações necessárias e  enviar para aprovação e publicação no D.O.U. 
Quem estiver interessado em maiores detalhes  é só acessar a partir da próxima segunda-feira o endereço
http://www2.anac.gov.br/transparencia/audienciasPublicasEncerradas2012.asp .

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Se a sociedade não despertar agora poderá não haver um futuro para nossos filhos.

Pessoal, hoje não vou falar diretamente sobre aviação, mas sim de algo que me causa indignação. 
Neste último final de semana aqui no Rio de Janeiro aconteceu uma nova chacina onde 6 adolescentes foram bárbaramente assassinados, supõe-se que por traficantes que dominam a comunidade da Chatuba. Estes adolecentes não tinham nenhuma ligação com a criminalidade e pelo que consta só estariam se divertindo em uma cachoeira e, por causa de um funk que estava tocando no celular de um deles, fez despertar a ira de bandidos que os executaram. Isso é um absurdo! Onde é que nossa sociedade vai parar ? Que mundo nosos filhos irão encontrar daqui  a alguns anos ? O que leva pessoas a cometerem crimes hediondos como este? Falta de emprego, miséria, educação  ou falta de amor ao próximo? Não sei explicar  e nem compreeder o que ocorre em nossa sociedade.Será que alguém que acessa este blog poderia tentar me explicar o que está acontecendo? Como poderemos reverter esta situação?
  

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Prefeitura abre inscrições para a EMCA no dia 10

A Prefeitura de Taubaté abre no próximo dia 10 de setembro as inscrições para o processo seletivo da Escola Municipal de Ciências Aeronáuticas – EMCA.
A unidade oferece 70 vagas para o curso técnico de manutenção de aeronaves, que é homologado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e tem duração de dois anos.
As inscrições poderão ser feitas até o dia 19 de outubro deste ano, na própria EMCA, localizada na Avenida Tomé Portes Del Rey, 507, Vila São José. O horário de atendimento será, de segunda a sexta-feira, das 14h30 às 22h, e, aos sábados, das 9h às 11h.
O candidato deve ter idade mínima de 17 anos, ensino médio completo, não possuir diploma de nível superior e ser residente em Taubaté. A taxa de inscrição é de R$ 32,00.
Para se inscrever o candidato deve apresentar original e xerox do RG, Título de Eleitor e do comprovante de residência, além do comprovante de pagamento da taxa.
As provas do processo seletivo estão marcadas para 11 de novembro deste ano, das 7h30 às 12h30, e serão realizadas na Escola Municipal de Ensino Fundamental e Médio Professor José Ezequiel de Souza.
De acordo com o cronograma da escola, os resultados serão divulgados no dia 11 de dezembro deste ano. Já as matrículas serão feitas no período de 14 a 18 de janeiro do próximo ano. O início das aulas está previsto para 23 de janeiro de 2013.
Além das atividades escolares previstas, a EMCA proporciona a seus alunos palestras sobre assuntos aeronáuticos e visitas a diversas empresas de manutenção aeronáutica. Já foram formados, desde o início de seu funcionamento, duzentos e oitenta e cinco alunos, 41% empregado na área aeronáutica.
O índice de alunos aprovados nos exames da Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC é de 86%, um dos maiores entre as escolas que formam técnicos em manutenção de aeronaves. A obtenção da carteira da ANAC é imprescindível para o exercício da profissão.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3608-7579 e pelo email emcataubate@yahoo.com.br.

Fonte:  http://www.diariotaubate.com.br

Embraer confirma inauguração de fábricas em Portugal

O vice-presidente executivo de pessoas, relações institucionais e sustentabilidade da Embraer, Jackson Schneider, confirmou nesta quarta-feira que a companhia inaugurará no dia 21 duas unidades fabris em Évora, Portugal.
O projeto para a produção de estrutura de aviões envolveu investimento de cerca de 200 milhões de euros e a operação será destinada para a exportação às unidades da companhia nos Estados Unidos, Brasil e "evidentemente para outras operações que avaliamos no mundo".
Schneider fez vários elogios à qualidade da mão de obra dos portugueses e ainda a agilidade do Estado para que as unidades pudessem ser operacionalizadas.
"Ficamos extremamente bem impressionados com os engenheiros de Portugal e com a forma como fomos atendidos e apoiados pelo Estado. Tudo o que conversamos foi absolutamente cumprido no prazo", afirmou Schneider.
Em Portugal, a Embraer já opera em parceria com o governo local, a OGMA, unidade de manutenção de aeronaves que atende clientes da companhia aeronáutica na África e na Europa.

 
Fonte: http://economia.ig.com.br/empresas/2012-09-05/embraer-confirma-inauguracao-de-fabricas-em-portugal.html

Concurso ANAC 2012.


 Foi liberado o concurso ANAC 2012. Para melhores informações acessem o link :
 http://www2.anac.gov.br/concurso2012/

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Infraero simula acidente com Boeing 737 no aeroporto de Teresina

A Infraero realiza hoje (31) no aeroporto Petrônio Portela, em Teresina, o treinamento prático simulando um acidente envolvendo uma aeronave Boeing 737, contendo 1.500 litros de combustível, quatro tripulantes e 16 passageiros. O treinamento faz parte do curso de Corpo Voluntário de Emergência, realizado num período de uma semana.Segundo Antonio Heverton Ribeiro, gerente de navegação aérea, 64 voluntários que trabalham no aeroporto participam do curso."A simulação dura em média 30 minutos. Participam Corpo de Bombeiros, Samu, PRF, 2º BEC, além da CIPTran e Strans na parte externa do aeroporto. Queremos analisar o tempo resposta de socorro às vítimas e apagar o incêndio", explicou.Ele ressaltou ainda que o IML e hospitais como o HUT  e HPM também fazem parte do exercício. Essa simulação é obrigatória, por determinação da ANAC e é feita anualmente em todos os aeroportos do Brasil.
Melhores detalhes acessem o link :

http://www.cidadeverde.com/infraero-simula-acidente-com-boeing-737-no-aeroporto-de-teresina-111784

Regulamentação Aeronáutica Básica

ICAO, OACI, FAA, ANAC, EASA, RBHA, RBAC, FAR, IS,FS,IO... Tantas siglas !!! E para que servem ou o que significam ? Não é raro depararmos com algumas dessas siglas nas atividades de manutenção aeronautica e na aviação em geral. Muitas profissionais trabalham nesta área há anos e bem poucos conhecem o significado dessas siglas. Para ajudar estes profissionais na aquisição destas informações básicas estamos elaborando um curso básico de legislação aeronáutica abordando as principais legislações vigentes na aviação civil no âmbito da manutenção aeronáutica. Os interessados poderão entrar em contato enviando uma mensagem através da função "comentário" que está abaixo desta postagem. 

Aeroporto de Lisboa


A crise econômica européia está afetando e muito o turismo em todos os países membros da comunidade, mas ainda assim notamos um grande movimento de passageiros nos aeroportos considerados hubs ( pontos de distribuição para outros destinos). O Aeroporto de Lisboa hoje encontra-se como ponto estratégico de suma importância para a economia portuguesa , pois dali se faz as conexões mais importantes ligando os continentes da América do Sul e Africa com a Eurospa e Estados Unidos. A TAP tem papel fundamental nessa estratégia e pode levar Portugal a um patamar elevado na aviação européia.

domingo, 15 de julho de 2012

EWIS , um novo enfoque para manutenção e inspeção de fiação em aeronaves

 Antes de dois grandes acidentes da aviação mundial , o vôo 800 da TWA e Swissair 111, a fiação dos sistemas e componentes de aeronaves era uma preocupação menor. Após a análise destes acidentes foi fundado um comitê chamado de ATSRAC que reuniria os líderes da indústria aeronáutica para examinar o estado atual dos sistemas elétricos de aeronaves.As preocupações com a segurança nos sistemas de cabeamento em aviões foram trazidas  para o centro das atenções  devido ao resultado da investigação do acidente da TWA onde a aeronave B747 explodiu em pleno ar. A ignição de vapores inflamáveis no tanque foi a provável causa da explosão e o motivo foi a falha na fiação que provocou um curto circuito provocando o centelhamento dentro do tanque. Outro acidente com um MD-11 da Swissair também teve como fator relevante falhas na fiação elétrica. Exames posteriores em outras aeroanves mostrou uma coleção de problemas semelhante devido a deterioração de cablagens , instalação inadequada,contaminação das cablagens por elementos corrosivos, etc.
Para desenvolver uma pesquisa que solucionasse estes problemas, a FAA financiou uma série de estudos envolvendo a análise atual do estado das fiações nas aeronaves que já tinha uma longa operação . A EASA, autoridade européia,  por sua vez partiu para a melhora dos procedimetos de manutenção e treinamento
do pessoal envolvido para reduzir a probalidade de incidentes graves ou acidentes causados por essas falhas de fiação. Hoje temos o programa de treinamento de EWIS - Electrical Wiring Interconnecting  Systems, que visa informar aos técnicos envolvidos a manutenção de aeronaves sobre os procedimentos adequados para a manutenção e inspeção de todos os sistemas que são interconectados por algumtipo de fiação elétrica. As empresas aéreas que voam para Estados Unidos e Europa devem fornecer este tipo de treinamento aos seus funcionários de manutenção assim como as empresas de manutenção que efetuam manutenção em aeronaves provenientes dessas regiões.A Anac ainda não cobre estes procedimentos,mas em breve terá uma legislação apropriada, pois isto garante a segurança da aviação.
 


domingo, 1 de julho de 2012

CONQUEST LSA – O PRIMEIRO LSA BRASILEIRO

A INPAER, empresa localizada no Aeroporto dos Amarais em Campinas, SP, acaba de lançar no mercado aeronáutico a primeira aeronave concebida e desenvolvida no Brasil no novo padrão de normas brasileiras para aviação leve (ALE), o CONQUEST 180 LSA.
Esse projeto teve inicio meses antes dessas novas normas entrarem no ordenamento jurídico brasileiro. A empresa, apostando que o padrão da FAA dos Estados Unidos seria utilizado no Brasil, iniciou o desenvolvimento da aeronave no início de 2011. Trata-se de um projeto desenvolvido com a tecnologia SolidWorks. Com essa tecnologia foi possível realizar em computador as diversas simulações necessárias para encontrar os dados ideais para a confecção do protótipo.
Para a concretização desse projeto, a INPAER iniciou uma busca mundial por novos métodos de construção, realizando visitas em diversos países a fim de ter uma visão globalizada do produto, conhecendo a realidade de outras empresas em países como a França e os Estados Unidos.
Essa experiência internacional, aliada aos conhecimentos acumulados em mais de 300 aeronaves produzidas e ainda aos 30 anos de experiência do proprietário da INPAER foram fundamentais à concretização do Conquest 180 LSA.
Importante destacar que para a materialização do projeto, a INPAER não poupou investimentos. Uma nova e moderna fábrica com 5.000 metros/2 no município de São João da Boa Vista, SP foi construída e é o local do nascimento de 10 novas aeronaves por mês. Nessas instalações foi construído um moderno centro de usinagem com a mais moderna tecnologia de usinagem industrial. Com isso, a Inpaer passou a produzir todos os componentes da aeronave, retirando da cadeia produtiva terceiros, aumentando a qualidade e a padronização das peças que compõem o CONQUEST 180 LSA.
A nova aeronave tem peso máximo de decolagem de 600kg, incluindo combustível, piloto e passageiro, cruza os céus com velocidade de 220km/h ou 120kt e tem autonomia de aproximadamente 1.200 km. Dentre as diversas possibilidades de motorização disponíveis no mercado, a INPAER certificou o CONQUEST 180 LSA com o já consagrado e confiável motor ROTAX 912 S que disponibiliza 100HP. O preço inicial dessa aeronave é R$ 195.000,00 e o prazo de entrega atualmente é de 6 meses.
Vale ainda destacar que a empresa já tem preço de revisões definidos, o que evita surpresas e dá ao comprador e cliente a possibilidade de prever os custos da aeronave ao longo do tempo.
A procura pelo novo modelo superou até as expectativas mais otimistas, transformando-se em um absoluto sucesso de vendas. Apesar do prazo de 6 meses previsto para a montagem, os novos investimentos em maquinário e pessoal deverá diminuir esse tempo para aproximadamente 3 meses já no início de 2013.
Todos esses investimentos e trabalho da INPAER têm intenções mais ambiciosas. Com o perfeito enquadramento nas normas da FAA, o CONQUEST 180 LSA já nasce pronto para o mercado internacional. A empresa a partir de 2013, visando conquistar espaço nesse concorrido mercado, já tem programado a participação em feiras e exposições na América do Norte e na Europa.
Após esse lançamento, novos projetos já estão nos computadores dos engenheiros da empresa e em breve lançamentos irão surpreender o mercado.
A superação de desafios sempre foi a característica dessa empresa que em apenas 10 anos de existência conquistou seu espaço no cenário aeronáutico brasileiro.

domingo, 17 de junho de 2012

Jato da Embraer fará voo com combustível renovável no Rio+20

No próximo dia 19/06 a Embraer fará um voo de demonstração Azul+Verde, em um jato EMB195 pertencente a empresa Azul Linhas Aéreas , abastecido com combustível renovável à base de cana-de-açúcar produzida no Brasil.
Os testes vinham  sendo realizados em conjunto comas empresas Azul Linhas Aéreas, Embraer, Amyris e GE, essa última fabricante do motor CF34-10Eque vai equipar o jato da Embraer. O Sucesso dos testes foi anunciado no último dia 04/06. Será o primeiro voo no país de um jato  abastecido com biocombustível de aviação produzido a base de cana-de-açúcar.
Isto pode ser um marco para uma evolução tecnológica na aviação brasileira, pois estaremos a frente de grandes potências nesse setor .

Para leitura da reportagem na integra acesse : http://invertia.terra.com.br/sustentabilidade/rio20/noticias/0,,OI5827281-EI20323,00-Jato+da+Embraer+fara+voo+com+combustivel+renovavel+no+Rio.html




Prêmio para Mecânicos Masters

 
 
 
Nos Estados Unidos da América ,o FAA (Federal Aviation Administration),tem um programa de valorização da profissão de mecânico de manutenção de aeronaves denominado de  Charles Taylor Award Mechanic Master .
Este reconhecimento leva esse nome em  honra do Sr. Charles Taylor, o mecânico de aviação do primeiro voo motorizado. O Prêmio Charles Taylor"Mechanic Master"  reconhece as realizações da vida de mecânico sênior. O Sr. Taylor serviu aos  irmãos Wright  e é creditado por  projetar e construir o motor para o seu primeiro avião bem sucedido.
Para concorrer a este prêmio o candidato passará por um processo seletivo, se selecionado o mecânico ganhará um certificado igual  ao da imagem a cimae um distintivo de lapela. Sua esposa também recebe uma versão menor do distintivo de  lapela . Estes   serão reconhecidos na galeria Charles Taylor Award Mechanic Master, localizada no site https://www.faasafety.gov/content/MasterMechanic/ViewRecipient.aspx?id=1390  .
 

 
Elegibilidade

 
O candidato deve atender os seguintes critérios para ser elegível para o "Prêmio Master Mechanic Charles Taylor":

  • Ser um cidadão americano;
  • Ter  trabalhado por um período de 50 anos em   carreira de manutenção na aviação civil (Os 50 anos podem  ser computados consecutivamente ou não consecutivos)
  • Deve ter  sido mecânico de empresa  certificada pela FAA por um   período de 30 dos  50 anos de prosfissão.

 
Creio que isto seria muito interessante pra ser adotado aqui no Brasil pela ANAC, pois além de preservar a memória da aviação civil brasileira estaria também motivando os bons profissionais a se aperfeiçoarem e ter uma maior longevidade na carreira.

Por: José Fernandes

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Vaga para Mecânico

Estamos Contratando MECÂNICO SENIOR E PLENO DE ESTRUTURA, para trabalhar em São Carlos - SP, Necessário ter a experiência de 6 a 4 anos na área, com curso técnico, inglês intermediário e com Carteira CHT em célula.


Os interessados poderão enviar o currículo para: selecao@jobconsultoria.com.br ou acessar nosso site: www.jobconsultoria.com.br para maiores informações.

Agradeço desde já a atenção.

JOB CONSULTORIA.



sábado, 19 de maio de 2012

Alteração no RBHA 65-Revalidação de CHT

Desde o último dia 15 de maio, através da Resolução nº230 e publicada no Diário Oficial da União de 17demaio de 2012, não é mais necessário o exame prático para revalidação de CHT de mecânicos de manutenção de aeronaves. A partir de agora os detentores de uma licença CHT devem a cada 3 anos providenciar o seu recadastramento junto a ANAC não sendo mais necessário a realização de exame prático.Veja abaixo os itens 65.93 e 65.105 que sofreram tais alterações.


65.93 - RECADASTRAMENTO DE DETENTORES DE LICENÇAS/CHT


(a) Recadastramento de detentor de CHT – A cada 3 (três) anos, a partir da data da emissão do

CHT, o detentor deve efetuar o seu recadastramento junto à ANAC. A falta deste recadastramento

implicará na suspensão do CHT emitido para tal pessoa.

(b) Detentores de licenças/CHT válidas/revalidadas há mais de 2 (dois) anos em 17/05/2012 terão

até 17/05/2013 ou 6 (seis) anos após a data de emissão/reemissão (o que ocorrer antes) para efetuar

seu recadastramento junto à ANAC.

(Redação dada pela Resolução n. 230, de 15 de maio de 2012, publicada no Diário Oficial da União de 17 de maio de 2012, Seção 1,

p. 3).

65.104 - EXPERIÊNCIA RECENTE


(a) O detentor de uma licença somente pode exercer os privilégios de sua licença se nos últimos 24

(vinte e quatro) meses, por pelo menos 6 (seis) meses, tiver:

(1) trabalhado na habilitação relacionada com a sua licença;

(2) supervisionado tecnicamente outros mecânicos;

(3) supervisionado administrativamente a manutenção ou alteração de uma aeronave;

(4) atuado no treinamento técnico de pessoal em serviços relacionados à sua habilitação; ou

(5) estado engajado em qualquer combinação dos parágrafos (b)(1), (b)(2), (b)(3) ou (b)(4) desta

seção.

(b) O detentor de uma licença, caso não possa comprovar o requisito de experiência recente do parágrafo

(a) desta seção, poderá exercer os privilégios de sua licença desde que tenha sido aprovado

há menos de 24 (vinte e quatro) meses em exame de conhecimento prático aplicado pela ANAC ou

por profissional por ela credenciado.


terça-feira, 1 de maio de 2012

info AVIAÇÃO

Pessoal, o site http://www.infoaviacao.com/ é um site ótimo para todos que buscam por informações atualizadas sobre a aviação. Vale a pena dar uma olhada nas matérias do link http://www.myebook.com/ebook_viewer.php?ebookId=90611

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Relacionamento importante



A Embraer e a Boeing anunciaram a celebração de um amplo acordo de cooperação que está suscitando especulações os planos futuros das duas empresas.

Segundo nota da Embraer, "o acordo estabelece um relacionamento importante entre duas das maiores empresas aeroespaciais do mundo para cooperação em temas relacionados à melhoria da eficiência operacional, segurança e produtividade de aeronaves e satisfação dos clientes, gerando valor para as duas empresas e seus clientes."

O acordo da Embraer e da Boeing foi selado no mesmo dia em que foi assinado o Memorando de Entendimento para Parceria em Aviação entre os governos brasileiro e norte-americano.

Esse acordo intergovernos visa expandir e aprofundar a cooperação entre os dois países na aviação civil, por meio do estreitamento da comunicação entre as agências governamentais e o aumento da cooperação do setor privado, criando parcerias econômicas e promovendo investimentos.

"As duas empresas também buscarão outras áreas de cooperação visando benefícios mútuos e valor para seus clientes," afirma a nota.

Biocombustíveis para aviação

A Boeing e a Embraer já possuem outros acordos de cooperação.

Em julho de 2011, as empresas anunciaram planos para financiarem uma análise de oportunidades para a produção de combustível sustentável para a aviação, a partir da cana-de-açúcar.

Em março de 2012, a Boeing, a Embraer e a Airbus anunciaram um memorando de entendimento para o desenvolvimento conjunto de biocombustíveis para a aviação com custos econômicos acessíveis e desempenho equivalente aos de origem fóssil.

São Paulo terá centro de pesquisas em biocombustíveis para aviões

Recentemente, a Embraer anunciou a criação do Centro de Tecnologia e Engenharia Embraer EUA, para conduzir atividades de pesquisa e desenvolvimento de produtos e tecnologia para todas as suas linhas de negócios.

Apoio científico

Ao mesmo tempo, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), anunciou que o trio - FAPESP, Boeing e Embraer - iniciou "um estudo sobre os principais desafios científicos, tecnológicos, sociais e econômicos para o desenvolvimento e adoção de biocombustível pelo setor de aviação comercial e executiva no Brasil".

O estudo deverá fundamentar um novo projeto de pesquisa conjunto, cobrindo os temas prioritários apontados no levantamento.

O setor de aviação, que contribui com 2% das emissões totais de gases de efeito estufa no planeta, está enfrentando o desafio de reduzir pela metade a emissão de CO2 em 2050, em comparação com 2005, e se tornar neutro carbono até 2020, conforme estabeleceu a Associação de Transporte Aéreo Internacional.

"Nós ainda não temos uma perspectiva de em quanto tempo teremos biocombustíveis produzidos em escala comercial e que possam ser utilizados na aviação de forma global, e não prevemos que no futuro próximo haverá a substituição completa do combustível fóssil utilizado na aviação por biocombustíveis", disse Mauro Kern, vice-presidente executivo de engenharia e tecnologia da Embraer.

Biocombustíveis para aviação

Já existem biocombustíveis para aviação, produzidos em pequena escala, mas que chegam a custar o dobro do querosene de aviação.

O objetivo do acordo é aproveitar a experiência do Brasil, mais precisamente dos cientistas reunidos sob a égide da FAPESP, que tem sido o mais forte apoiador do setor de etanol no Brasil, ainda que o etanol não seja um combustível ideal para a aviação.

"A grande vantagem de estar realizando esse tipo de pesquisa no Brasil é que o país tem experiência na utilização da cana-de-açúcar, usando uma fonte renovável de combustível. Podemos aprender e utilizar essa experiência para aplicar na área de aviação", afirmou Donna Hrinak, presidente da Boeing Brasil.


Fonte:http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=boeing-embraer-assinam-acordo-biocombustiveis&id=010175120426

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Paquistão promete grande investigação após queda de avião

Autoridades paquistanesas prometeram uma grande investigação sobre a causa da queda de um avião em um voo doméstico e que matou 127 pessoas, dizendo que estão examinando todas as possibilidades, de uma falha técnica até a própria idade do Boeing 737.

Os parentes das vítimas, que esperavam pelos corpos no hospital, expressaram luto e raiva sobre o acidente, ocorrido durante uma tempestade enquanto o avião se aproximava de Islamabad, tendo saído de Karachi, centro comercial do Paquistão.

A polícia manteve a imprensa longe do Instituto de Ciências Médicas da capital, para onde os restos mortais das vítimas foram levados. Com os destroços espalhados por quase um quilômetro quadrado em uma plantação de trigo, autoridades afirmaram que não há sobreviventes.

Em uma coletiva de imprensa neste sábado, Nadeem Khan Yousafzai, diretor geral da Autoridade Aérea Civil, afirmou que o avião estava pareado ao sistema de aterrissagem, uma funcionalidade que orienta precisamente a aeronave durante o pouso. De repente, ela caiu quase 2,9 mil pés (883 metros), para 2 mil pés.

"Ele simplesmente caiu, em um mergulho", afirmou. "Então, o contato foi perdido e o ponto desapareceu do radar."

"O que aconteceu nesse período precisa ser investigado. Houve um grande deslocamento de ar? Houve uma falha no motor?"

O Boeing 737-200 tinha mais de 27 anos de uso, de acordo com o site AviationSafety.net. O primeiro-ministro, Yusuf Raza Gilani, foi até o hospital e falou com a imprensa: "Até a investigação estar finalizada, não podemos tirar quaisquer conclusões".

O ministro do Interior, Rehman Malik, afirmou que o dono da Bhoja Air, Farooq Bhoja, foi impedido de deixar o país, para assegurar que coopere com as investigações. "Ações serão tomadas, e vocês verão que elas serão tomadas. Eu prometo", afirmou.

A Bhoja Air iniciou seus trabalhos em 1993, mas suspendeu operações oito anos depois, por problemas financeiros. A empresa retomou os voos domésticos no mês passado.

A caixa preta do avião, que contém os dados do voo, foi recuperada na noite passada, disseram autoridades. Ninguém da companhia estava imediatamente disponível para comentar.

Fonte : noticias.terra.com.br



domingo, 11 de março de 2012

Arquivos do Blog

Pessoal, na coluna da direita deste blog tem um arquivo onde vocês poderão encontrar as postagens mais antigas desde novembro de 2007. Muitos dos temas ainda são atuais e aconselho a todos que façam-nos uma visita.
Grande abraço a todos e boa leitura.

Embraer instala centro de serviços em Sorocaba



A Embraer assinou no útimo dia 06\03 um acordo com o governo estadual paulista e a prefeitura local para instalar um centro de serviços para aviação executiva em Sorocaba, a 92 km de São Paulo. A empresa vai investir R$ 40 milhões nos primeiros cinco anos do projeto e gerar 250 empregos diretos. O governador do Estado, Geraldo Alckmin, foi até a cidade para participar do lançamento do projeto. A área, de 20 mil metros quadrados no aeroporto local, foi cedida pelo Estado. O vice-presidente de Operações da empresa, Marco Túlio Pellegrini, disse que o centro dará suporte e manutenção à frota de mais 100 jatos executivos fabricados pela Embraer que já operam no Brasil. "Sorocaba será o novo polo da aviação executiva em São Paulo", afirmou. O novo centro terá um hangar cinco vezes maior do que o centro de serviços localizado na sede da empresa, em São José dos Campos, no Vale do Paraíba. A Embraer conta com unidades também nas cidades de Botucatu e Gavião Peixoto, no interior paulista. Além da infraestrutura de salas e hangares, serão instaladas em Sorocaba oficinas de apoio com serviços diferenciados, contemplando a manutenção e reparos de componentes dos aviões. "A rede global de suporte de jatos executivos da Embraer já conta com 60 centros de serviços próprios e autorizados no mundo, mas o Brasil é um dos nossos principais mercados", afirmou Pellegrini. Segundo ele, até o final de 2012, o primeiro simulador de voo de jatos executivos Phenom 100 e Phenom 300 entrará em funcionamento. O governador Alckmin anunciou investimentos de R$ 8,2 milhões para ampliar o sistema operacional do aeroporto de Sorocaba, que já abriga 12 empresas de manutenção de aviões. A pista de pouso será ampliada em 150 metros e a área de pátios será reformada. As obras começam em abril.



domingo, 4 de março de 2012

VOANDO ALTO.

Quem acompanha este blog sabe que tentamos fazer deste um espaço com amplo expectro de idéias que falem sobre a aviação civil e em especial sobre a manutenção de aeronaves. Temos postado aqui muitos textos que tem o único objetivo de informar e fazer despertar o interesse pela aviação.Hoje estamos trazendo para vocês não um texto técnico nem um noticiário ,mas uma forma de exprimir sentimentos que falam sobre a nossa atividade.Abaixo transcrevo um belo poema do nosso amigo José Edir, mecânico de manutenção, escritor e poeta.

VOANDO ALTO
Hoje outros céus te aguardam
Pois estais voando alto
Mas quanto estiveres lá em cima
Olhe sempre para frente
Pois além do horizonte
Existem novos mundos
Esperando pela gente

Nunca deixe de olhar para trás
Pois o passado nos dá tração
Como uma turbina a gás
Ou motor a explosão

Não se esqueça de olhar para fora
Para pista de onde veio
Para se quiser poder pousar
Num dia de nevoeiro

Também olhe para os lados
Porque são as suas asas
Que te dão sustentação

E depois olhe para dentro (de si mesmo)
Para a carga que está atrás
São pallets de esperança
Containers de amor e paz

Olhe sempre para baixo
Pois é a base que nos mantém por cima
E acima de tudo!

Olhe principalmente para o alto
Pois é de lá que vem a luz
Que ilumina sua rota
E está a bússola que te conduz.

J. Edir - 2004

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Formação teórica ou prática ? Quando a habilidade se torna fundamental,mas sem perder de vista os conhecimentos teóricos .

Na manutenção de aeronaves é fundamental que o mecânico conheça os detalhes de cada componente e que tenha a noção sistêmica dos conjuntos destes, que são os responsáveis pelo funcionamento do avião. Para isso, é necessário que o mecânico tenha a formação teórica calçada nas diretrizes emitidas pelos fabricantes e autoridades aeronáuticas ,mas é de suma importância que junto com a teoria sejam desenvolvidas também as habilidades, que só é possível através das aulas práticas. Hoje há uma metodologia chamada de OJT (on the job training) ,que significa treinamento no local de trabalho, e tem surtido muito efeito. Há quem diga que com essa metodologia é possível reduzir a carga horária dos treinamentos teóricos,mas ressalto aqui que é muito preocupante quando se pensa em reduzir a teoria ao mínimo, pois o desequilíbrio destas cargas horárias podem fazer que na formação de mecânicos somente sejam levadas em consideração as habilidades e, isso, pode levar a um cenário de profissionais que não terão capacidade de raciocínio em determinadas situações por desconheceram a teoria, o que pode colocar em risco suas atividades e influenciar diretamente na segurança de voo. Quando negligenciamos a parte teórica em prol da prática, estamos influenciando diretamente no comportamento do profissional de manutenção e criando um profissional que terá plenas condições de resolver determinadas panes ,mas se for necessário uma análise crítica para a solução de uma pane mais complexa, a carência da teoria será sentida. Por isso, sou a favor de que a prática seja sempre aplicada a qualquer treinamento de manutenção , mas que seja de uma maneira proporcional que não cause um desequilíbrio. As escolas de formação de mecânico deveriam estruturar bons laboratórios de aulas práticas para que o aluno pudesse imediatamente, após aplicação de um conceito teórico, aplicá-lo na prática, para que se pudesse reter melhor o conhecimento e favorecer o desenvolvimento das habilidades necessárias. As empresas aéreas e as de manutenção devem rever os seus programas de treinamento e adotarem uma formatação que seja mais abrangente, que proporcione a formação integral do mecânico e não leve em consideração somente a parte técnica, mas também os aspectos comportamentais. Hoje temos no mercado um treinamento chamado de "fatores humanos na manutenção", exigido por diversas autoridades aeronáuticas no mundo e que visa estimular a mudança comportamental, não só do mecânico como também das chefias e da organização.

sábado, 21 de janeiro de 2012

Algumas Escolas de Formação de Mecânicos

Fly escola

Av. Churchill , 97 3º andar - Centro - Rio de Janeiro.
Tel. (21) 2544-4863 (21) 2262-5881
e-mail: flytrainingcenter@flytrainingcenter.com.br

EACON

Unidade São PauloAv. Washington Luís, 6055 - Campo Belo - CEP: 04626-004 - São Paulo - SP
Telefones: (011) 5041-4700 - 5561-2232Fax (011) 5561-2232
e-mail: atendimento@eacon.com


AVITRAINING

Pc das Nações, 322 sala 304 Bonsucesso - Rio de Janeiro - RJ
Tel: (21) 2560-2406


EAPAC

Est do Galeão, 5049 - Galeão Rio de Janeiro - RJ, 21941-353
Tel.(0xx)21 3393-1103.


ACFT

Rua Teixeira de Castro, 664,Bonsucesso,Rio de Janeiro/RJ
(21) 38672757
e-mail : acft.escola@gmail.com



Flight Escola de aviação

R. 18 de Novembro, 800 - São João, Porto Alegre - RS,
Tel.(0xx)51 3325-2114

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

A crise econômica x formação de profissionais técnicos.

A crise econômica européia está fazendo grandes estragos em vários países do mundo inteiro e não somente naqueles que compõem aquele continente. O Brasil está, até o presente momento,vivendo uma situação tranquila sem maiores transtornos e isso salta aos olhos de economistas do mundo inteiro.Com isto, grandes empresas buscam se estabelecer por aqui visando o crescimento econômico brasileiro que se alardeia no cenário internacional.Empresas como a Boeing, Pratney Whitney, Rolls Royce entre outras, já se mobilizam para "demarcar terrotório"e combater os concorrentes que também tentarão chegar até aqui. O Brasil porém, precisa estruturar um sistema educacional profissionalizante que forneça mão-de-obra qualificada para estes parceiros da nova economia brasileira. Está na hora de empresas exercerem sua condição de formadoras de cidadãos e profissionais para construir uma base sustentável da nação em relação ao mundo globalizado . Hoje já existem empresas do segmento da aviação que se preocupam coma formação de seus funcionários e algumas delas possuem centros de formação que são mantidos por elas próprias. A Embraer é um exemplo dessas empresas através do Colégio Juarez Wanderley. O objetivo do Colégio Embraer Juarez Wanderley é a formação dos estudantes do ponto de vista global e abrangente, possibilitando seu ingresso em instituições de ensino superior e o seu desenvolvimento como sujeito protagônico e transformador. A TAP Manutenção e Engenharia Brasil S.A é uma das empresas que atuam no ramo da aviação como prestadora de serviços de manutenção aeronáutica e forma seus mecânicos através da Escola de Formação de Mecânicos de Manutenção Aeronáutica -EFMMA,que funciona nos centros de treinamento da própria empresa, nas cidades do Rio de Janeiro e Porto Alegre , que são certificados pela ANAC através do RBHA 141. Estes são apenas alguns exemplos de empresas desse nicho que já se preocupam com a formação de profissionais para o mercado da aviação. Idéias iguais a estas fazem o crescimento econômico do Brasil e incrementam o "know how" dos profissionais da aviação brasileira. Vejo que o governo poderia incentivar esssa prática dentro das organizações para que o processo de formação de pessoal qualificado para o mercado de trabalho seja acelerado para poder atender a demanda dos próximos 5 anos.

domingo, 8 de janeiro de 2012

Começou um novo ano .Vamos continuar com informação e novidades sobre a aviação.

Chegou mais um novo ano e estaremos juntos novamente por aqui para informar e orientar àqueles que pretendem abraçar a carreira de mecânico de manutenção de aeronaves. Esperamos que 2012 possa ser um ano de muitas novidades na aviação e que a formação de profissionais dessa área seja cada vez mais divulgada e ampliada nas mais diversas instâncias do ensino brasileiro. Queremos uma aviação forte e com qualidade para que sirva de exemplo para o mundo.


Feliz 2012 para todos !!!