sábado, 26 de fevereiro de 2011

Materiais de Aviação e Processos

Quem acessa o nosso blog com frequência já deve ter lido na caixa de mensagens algumas sugestões de seguidores para assuntos a serem abordados aqui neste espaço. Pois bem , hoje atendendo ao nosso amigo Heinz , brilhante aluno do SENAI São José de Florianópolis, vamos falar um pouco sobre materiais de aviação e processos. Vamos fazer aqui apenas breves comentários sobre este tema , pois este é um assunto bem extenso e depende de várias postagens para uma compreensão mais apurada.

Sabemos que a aviação tem como premissa básica a segurança e, sem segurança ,não se consegue voar por muito tempo. Para se manter a segurança de voo é necessário um conjunto de ações que vão desde o projeto inicial para a construção de um protótipo até qualificação das pessoas envolvidas em cada estágio que vai desde a concepção até a operação de uma aeronave. Os materias utilizados nas aeronaves passam por um processo intenso de testes e inspeções que garantem a confiabilidade necessária para que possam ser instalados nas aeronaves e funcionarem perfeitamente. A importância dos materiais de aviação é muitas vezes desprezada devido ao seu pequeno tamanho; entretanto, a segurança e a eficiência da operação de uma aeronave depende de uma correta seleção e, uso adequado do material de aviação, assim como o conhecimento e a utilização dos processos adequados a esse material.
Todos os materiais utilizados em aviação devem ser devidamente homologados e seguir padrões estabelecidos pelas autoridades aeronáuticas e pelos centros tecnológicos responsáveis pelas homologações destes materiais (aqui no Brasil temos o CTA - Centro Tecnológico Aeronáutico) .
Materiais de aviação é um termo muito abrangente e , por tanto, possui uma série de classificações. Nos cursos de formação de mecânicos de manutenção aeronáutica há uma disciplina denominada MATERIAIS DE AVIAÇÃO E PROCESSOS onde contém informações sobre alguns tipos de materiais como parafusos, porcas, arruelas, prendedores, anél de pressão,rebites,processos de inspeção , controle de corrosão e etc. Estes materiais são de grande importância para a segurança de uma aeronave. Sua fabricação, utilização e controle devem seguir uma série de requisitos e procedimentos que irão garantir a qualidade e eficiência quando instalados em um avião ou helicóptero. Um simples parafuso que é utilizado na aviação deverá passar por uma infinidade de testes e seguir as normas técnicas estabelecidas para sua confecção além de possuir toda a rastreabilidade necessária. Rastreabilidade é a condição que se tem através de um código ( PN/SN/ Lote, etc) sabermos desde o tipo de material do qual é confeccionado , teste efetuado , dimensões, tolerâncias , fabricante e demais características.

Pessoal, como falamos no inicio desta postagem , este é um assunto bastante extenso. por hoje paramos por aqui, mas voltaremos com mais informações para todos vocês.

Lembrem-se: A aviação só é a aviação por que existem profissionais que a fazem voar.

Um comentário:

Heinz Burda Filho disse...

Sensacional Prof Fernandes.
Conseguiste chamar a atenção para a importância dos materiais aeronáuticos e, ao mesmo tempo, alertar para a complexidade do tema, onde devemos levar muito a sério tal disciplina durante nossa formação e durante a profissão.
Grande abraço,
Heinz