Simulados para a ANAC

Para aqueles que pretendem realizar estudos extras para preparação às provas da ANAC , indico uma visita ao blog do meu amigo Heinz http://hangardoheinz.blogspot.com/, pois há uma seção só de questões (simulados).

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

B727- ATA 24 Força Elétrica













Tenho recebido alguns e-mails de vários seguidores do blog onde solicitam algumas informações sobre o sistema elétrico do B727.No intuíto de atender a estas solicitações vou tentar sintetizar este tema de forma bem suscinta.
O sistema elétrico do B727 é basicamente de corrente alternada, trifásico, 400 Hz e de 115/200 volts AC.
A força elétrica de 115/200 volts é obtida de três geradores acionados pelos motores ou por um gerador acionado pela AUXILIARY POWER UNIT (APU) quando o avião estiver em solo. Uma força externa também pode alimentar o avião quando não há força dos geradores dos motores nem gerador do APU.
A força de 28 volts AC é obtida por meio de autotransformadores que baixam a tensão de 115 volts para 28. Força de 28 volts DC é obtida por meio de três TRANSFORMADORES RETIFICADORES (TR) que convertem a força de 115/200 volts AC em 28 volts DC. Os TRs com capacidade de 75 ampéres cada, são denominados:TR-1, TR-2 e TR ESSENTIAL.Há ainda um TR para o APU e um para a força externa com 20 ampéres de capacidade cada.
Uma bateria "NÍQUEL CÁDMIO", de 24 volts e 22 améres hora, serve como fonte de alimentação normal para : APU START CONTROL, HOT BAT BUS, BUS PRONT PN e GEN CONT e como fonte de emergência para alimentar certas cargas críticas. Quando há perda de toda fonte DC.
Um INVERTER ( Inversor Estático) , alimentado pela bateria de bordo, converte a corrente de 28 volts DC em 115 volts AC e serve para alimentar certos circuitos críticos, quando a força AC é perdida.





2 comentários:

Antonio Brasil disse...

E diaga-se de passagem, o sistema elétrico do B-727 é um projeto antigo, porém muito eficiente...
Ministro curso do capítulo 24 desta aeronave há quase 40 anos...
Parabéns pela síntese deste sistema.

josé carlos Pereira disse...

Mestre Brasil!! Prazer tê-lo por aqui. Essa máquina foi e ainda é a melhor aeronave que a Boeing já fabricou.