domingo, 6 de setembro de 2009

EMBRAER, 40 anos de muito sucesso


O Brasil nos ultimos meses vem sendo bombardeado com boas notícias sobre reservas de energia, especificamente se falando de petróleo, sendo noticiado a todo momento nos mais diversos meios de comunicação, as reservas do Pré-sal. O presidente Lula aparece sempre fazendo um discurso otimista e, até certo ponto, "populista", divulgando que as reservas do Pré-sal garantirão ao país a condição de subsidiar as gerações futuras em educação, saúde e transporte, além de dar condições de sustentabilidade econômica da nação. Desde então não se fala em outro assunto e, na minha opinião, fala-se muito de algo que ainda caminha entre suposições, pois não temos ainda as condições necessárias para usufruir dessas reservas, ou seja,ainda nos falta muito em recursos tecnológicos para que se possa prospectar todo esse petróleo que se encontra abaixo dessa extensa e densa camada de sal. Talvez se o país ao longo dos anos tivesse se voltado para uma política de incentivo ao desenvolvimento tecnológico, hoje estaríamos muito mais convictos de que o Pré-sal seria totalmente nosso.

Mas, prefiro falar de coisas que são realidades consolidadas e que nos fazem ter orgulho de sermos brasileiros. Uma dessas "coisas" é a nossa industria aeronáutica que tem crescido nos últimos anos de forma consistente. A EMBRAER é um exemplo disso e se traduz em números que não deixam dúvidas sobre a potência que possui para o crescimento sustentável.

A EMBRAER mesmo depois de ter demitido 4500 funcionários no início de 2009, ainda permanece com um quadro funcional considerável que alcança o número de 17.234 empregados, tem pedidos firmes em carteira na ordem de US$ 19, 8 bilhões , teve uma receita líquida no primeiro semestre deste ano de R$ 3.019 milhões ( abaixo do ano de 2008) e lucro líquido de R$ 467 milhões.Em relação ao ano anterior a empresa teve uma retração na receita , mas nada que comprometa o futuro em relação a produção de aeronaves.

A empresa possui unidades espalhadas pelo mundo em países como os E.U.A, Portugal, França, Cingapura e China. Seu quadro funcional tem uma formação educacional que faz com que observemos um diferencial no mercado brasileiro onde cerca de 69% possuem o 2ºgrau ( Nível médio), 25% nível universitário, 4% pós-graduação e 2% doutorado.Seus engenheiros e técnicos recebem treinamento rotineiramente e estão entre os mais requisitados do mercado aeronáutico pelo mundo a fora.

Só a família das aeronaves Embraer 170/190 possui 882 pedidos firmes e já foram entregues 554 unidades. Empresas brasileiras como a AZUL e a TRIP já possuem esses tipos de aeronaves em suas frotas e outras internacionais comoa Britsh Airways, LOT, Copa Airlines, Continental , e etc.

Uma empresa que completa 40 anos em 2009 e que nos últimos anos vem ganhando as manchetes nos veículos de comunicação Internacionais merece ao menos uma atenção especial por parte do governo e de nosso povo. A Embraer mais que uma industria representa uma nação e é um "símbolo" que deve ser preservado. Por isso, gostaria de ver nosso presidente exaltando também não só a perspectiva de futuro em relação ao Pré-sal, mas fomentar a nossa industria aeronáutica que tem representado muito bem o Brasil no cenário internacional.

Parabéns EMBRAER pelos seus 40 magníficos anos de bons frutos e desejo que assim permaneça por pelo menos mais 40 anos.

Nenhum comentário: